sábado, 16 de abril de 2016

Dinâmica de Estudo dos Sacramentos - Primeiro dia

Oração para todos os dias (Clique aqui para fazer a oração)
.    Como você demonstra o seu amor por alguém?
Quando você ama uma pessoa, você demonstra este amor através de sinais: um abraço, um beijo, um presente, um aperto de mão, uma ajuda. Estas coisas, não são o amor que você tem por ela, mas, SINAIS. E a pessoa que recebe estes sinais sabe que escondido neles está todo o amor que você tem por ela.
2.    Quais são os maiores sinais do Amor de Deus por nós?
Os sinais do amor de Deus por nós são:
1) Batismo
2) Confissão e Penitência
3) Eucaristia
4) Confirmação ou crisma
5) Matrimônio
6) Ordem
7) Unção dos doentes

3.    Cante esta música. (Esta música deverá ser cantada todos os dias deste mês).
Cântico - Os sacramentos são sete canais pelos quais a vida de Deus Chega até nós:
Batismo, Crisma, Eucaristia, Penitência ou confissão, Unção dos doentes, Ordem sacerdotal, Matrimônio.
 
ESTES SETE SINAIS SÃO CHAMADOS SACRAMENTOS
            Sacramentos são sinais visíveis da graça de Deus.
Em João 7, 37 lemos que Jesus é a fonte da Água Viva: “Quem tem sede, venha a mim e beba”. É através dos sacramentos que a “Água Viva”, a graça, o amor de Deus, chega até nós. Para que este amor seja uma realidade em nossa vida, Deus Pai enviou Seu Filho, Jesus Cristo, para reconquistar o coração do homem, criado a sua imagem e semelhança e que tinha se afastado de sua presença pelo pecado.
Para que nós nos aproximemos sempre mais de Deus e experimentemos Seu amor, e para que cresça em nós a fé, Jesus Cristo presenteou-nos com os SACRAMENTOS. Cada sacramento possui gestos, palavras e uma liturgia própria. Por trás dos gestos, sinais e palavras existe o amor de Deus que quer nos redimir e estar sempre presente em nossas vidas como disse Jesus: “Eis que estarei convosco até o fim dos tempos”. Mateus 28, 20.
Os sacramentos são divididos em três grupos distintos para religarem nossa vida ao amor de Deus:
Os sacramentos de Iniciação a vida cristã;
Os sacramentos de cura e purificação também chamados de sacramentos do amor;
Os sacramentos vocacionais ou sacramentos do serviço ao Reino de Deus.
Trabalhos para casa: O que é sacramento? Onde encontramos os sacramentos? Quais os sacramentos que você já recebeu? Qual o sacramento mais importante?

Dinâmica de Estudo dos Sacramentos

Ano Santo da Misericórdia Divina. Abre a tua porta à alegria do Evangelho

A Igreja é o Corpo Místico de Cristo Ef: 5:23), Fonte de Água Viva. João 4, 13-14

 photo Sacramentos anigif_zpsjacljibf.gif
O Senhor Jesus é a Cabeça da Igreja (Ef: 5:23), que é o Seu Corpo. Ao sermos batizados nos tornamos Filhos de Deus e membros da Igreja.  Sendo membros da Igreja nos tornamos um com ela. É nosso dever e missão viver e praticar a doutrina cristã, buscando o conselho e as orientações do Senhor, consultando a Ele em tudo o que for importante para a realização da Obra de Deus e renunciando os planos humanos. É da vontade do Senhor que Seus servos e Sua Igreja busquem conhecer Seu plano para a edificação da Igreja. E a missão do Espírito Santo é revelar esse plano.
Por meio dos dons espirituais, o Senhor ensina a Sua Igreja as aplicações específicas da doutrina com conselhos práticos para os pastores e para a vida diária de seus membros. É, portanto, pelos dons espirituais que o Senhor Jesus revela os detalhes do Seu projeto de edificação de Sua Igreja. Sob a supervisão dos pastores, as instruções específicas transmitidas por meio dos dons espirituais são testadas (I Te: 5:10-21) e os dons são aplicados com sabedoria (I Cor 14:20, 40).
            “Jesus é a água viva, quem d’Ele beber jamais terá sede!” Jesus nos sacia dessa sede de eternidade que nós temos e preenche os vazios da nossa alma e do nosso coração. Todos nós temos sede de Deus e muitas vezes não sabemos onde saciarmos esta sede. Asseguro para vocês que somente na fonte de água viva poderemos saciar nossa sede. E onde encontraremos esta fonte?
Se analisarmos direitinho veremos que Jesus é a cabeça da Igreja e esta, o seu Corpo. Se Jesus é a Água Viva e a Igreja é o seu corpo, logo, a Igreja é a fonte de onde jorra água viva e abundantemente. No entanto, esta água não flui livremente, pois muitos beberão e voltarão a ter sede. Esta água vem canalizada sacramentalmente para que somente aqueles que tem sede de Deus sejam saciados, embora esta vertente de água da vida seja livre e inesgotável.
            Na Liturgia da Semana Santa podemos celebrar a instituição da Eucaristia e de outros sacramentos, então, porque não aproveitar para mergulharmos neste manancial de salvação? Vamos fazer um pré-estudo dos sacramentos de uma maneira bem dinâmica. Faça um Cartaz com uma linda Fonte que jorre água para sete mananciais. A fonte pode ser a Igreja, corpo de Cristo ou o próprio Cristo, os mananciais são os sacramentos e a águas da salvação são os dons conferidos pelos sacramentos.
Oração para todos os dias:
Acolhida: Poucas palavras, suaves, amorosas. Peça para todos repetirem com muita atenção, procurando fazer do mesmo jeito. Comece normal e vá abaixando o volume até ficar só um sussurro. Depois continue a oração baixinho.
Mantra: Desde a manhã preparo uma oferenda. (Bis) E fico Senhor a espera do teu sinal. (Bis)
Um catequista faz a oração e todos repetem. Repita mais de uma vez para ficar gravado na memória. Escreva no caderno.

Como suspira a corça pelas correntes de águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo; quando irei e me verei perante a face de Deus? Sl 42:1,2
Ó Deus, tu és o meu Deus Forte, eu te busco ansiosamente; a minha alma tem sede de ti, meu corpo te almeja, como terra árida, exausta, sem água. Sl 63:1
OREMOS (pausa): Ó Deus de toda a consolação, escuta com bondade as nossas preces e aumenta a nossa fé no Teu Filho, Jesus Cristo Ressuscitado, para que seja mais viva a nossa esperança na ressurreição de todos os teus filhos e filhas, e dá-nos o Dom do entendimento para encontrarmos a verdadeira fonte da vida. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na Unidade do Espírito Santo. Amém.

Agora um catequista vai falando e outro respondendo, os dois lendo na Bíblia:
Catequista 1: São João descreve a vida feliz do Reino com imagens de fontes, águas puras e salvadoras. Assim ele diz:

Catequista 2: O Cordeiro, que está no meio do trono, será o seu pastor e os levará às fontes das águas vivas” Apoc. 7,17

Catequista 1: O cordeiro de Deus responde:

Catequista 2: A quem tem sede eu darei gratuitamente de beber da fonte da água viva Apoc. 21,6.

Catequista 1: Aquele que está sentado no trono estenderá a sua mão sobre eles: já não terão mais fome, nem sede” Apoc. 7,15
JESUS, A FONTE DE ÁGUA VIVA!
Leia e em seguida fique em silêncio. 
Disse Jesus: Aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna. João 4:14  
 E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre. e explique que Deus enviou Jesus para saciar a sede espiritual do homem. João 7:37-38

Catequista: Graças a Deus pela água da vida que inundou nossas vidas. Em Jesus temos um manancial de águas onde podemos nos abastecer! Aleluia! Agora vamos ver como encontrar este manancial. Amém.
Só estamos começando. Semanalmente estaremos publicando mais uma parte deste estudo, durante o mês de Abril.

Dinâmica de Estudo dos Sacramentos - Primeiro dia